Notícia

Facebook lança atualização com novas ferramentas para influenciadores

O Facebook anunciou esta semana em seu blog oficial, uma série de de atualizações nos stories da rede social para pessoas públicas e influenciadores. Essa é mais uma tentativa de fazer com que este público centralize a produção de conteúdo na plataforma.

A primeira novidade traz uma maneira diferente de fazer o “Colab”. A ideia é ajudar os produtores de conteúdo a alcançarem novos públicos através da capacidade de várias figuras públicas contribuírem para um mesmo Story do Facebook, bem como um novo recurso no Feed de notícias para ajudar as pessoas a descobrirem figuras públicas relacionadas aos interesses pessoais delas.

O recurso foi testado (e aprovado) pela primeira vez durante o festival de música Tomorrowland, onde mais de 20 artistas, que juntos possuem mais de 73 milhões de seguidores, se reuniram para fazer stories em conjunto na rede social.

A segunda novidade é que a partir de agora figuras públicas poderão facilitar o envolvimento com a sua comunidade através de um adesivo de resposta de fãs. O adesivo permite que os usuários possam responder o influenciador com uma foto ou vídeo, e as respostas dele também poderão ser compartilhadas pelo influenciador (assim como acontece hoje no Instagram).

Segundo o Facebook, essa opção estará disponível para todos os criadores de conteúdo e não apenas para figuras públicas.

E o terceiro recurso que em breve estará disponível já é um velho conhecido nosso. Assim como já existe no Instagram, o Facebook está tentando melhorar as suas opções de monetização introduzindo os tradicionais links de “arraste para cima” nas histórias. Essa função virá acompanhada da possibilidade de marcação de produtos nas imagens, como podemos ver na imagem abaixo:

Por último mas não menos importante, o Facebook também está trabalhando para melhorar a saúde mental das pessoas físicas, com uma atualização no sistema de rankeamento de comentários e mais opções para denunciar perfis falsos e/ou ofensivos.

O facebook já começou a liberar estas opções para alguns poucos usuários selecionados.

Fonte: SocialMediaToday

Talvez você também goste:

Leia mais