Conteúdo

Estudo de caso: A construção do nome “Garupa App”

Olá, leitores!

Hoje nós vamos pegar uma carona com a Garupa, o aplicativo de transporte alternativo, para chegar na estréia dos artigos de avaliação de nomes! Porém, antes de começarmos, é importante observar que a avaliação de um nome passa-se por conhecer a marca. Para se ter uma ideia, o serviço mais elaborado de avaliação de nomes passa pelo preenchimento do briefing de criação.

O site da Garupa app nos transmite claramente o posicionamento da marca através da sua forma de comunicação e dos seus serviços oferecidos. Porém, é note que justamente nos textos mais diretos, “missão” e “valores”, a magia da marca não é bem entregue. São parágrafos entediantes e fracos perto de tudo que a marca traz.

A avaliação passará por apenas cinco dos Seis Elementos Básicos do Naming. O elemento de “Registro de Marca” não nos cabe aqui, por ser uma questão legal. Os outros critérios no entanto, dão bastante assunto já. Para quem não leu ainda, dá uma olhada no meu artigo que fala sobre os Seis Elementos Básicos do Naming.

Os aplicativos de transporte em geral ajudam passageiros a encontrarem motoristas. São como uma ponte. A Garupa, porém, se coloca como participante presente nessa jogada. A Garupa é o transporte alternativo que leva passageiros e motoristas nas costas.

Esse posicionamento se traduz em dois pilares, que são a maneira com que trata os passageiros e a maneira com que trata os motoristas. A Garupa procura trazer alternativas de transporte que outros aplicativos não abraçam, assim como benefícios reais para os seus parceiros. É um posicionamento que se representa muito bem com a palavra “Garupa”.

Para os passageiros, ela oferece a Garupa Pet, a Garupa Mulheres e a Garupa Kids, por exemplo. Para os motoristas, ela oferece a maior porcentagem do mercado (80% fica para o motorista), plano de saúde e outros benefícios. Ela abraça os passageiros e os motoristas dando um conforto a mais do que simplesmente uma garrafinha d’água.

A diferenciação do nome é bem clara. Seus concorrentes possuem nomes em inglês, como Uber e Cabify. Claro, Uber é uma marca de fora, e eu não estou dizendo aqui que nomes em inglês como Cabify para uma empresa brasileira sejam ruins per se. Porém, o padrão é esse: nomes em língua estrangeira. E isso faz com que escolher uma palavra real do português seja um destaque.

A aparência de Garupa é amigável, cumpre bem o papel de transmitir as sensações que a marca quer trazer. A letra G é bastante comum em palavras brasileiras, mas quantas marcas aproveitam seu carisma? Poucas, e geralmente porque usaram o nome ou sobrenome do dono. E bem, se tu estiveres a par dos artigos da Nitrogênio, já deves saber que nomes próprios não são bons nomes.

Aproveitando para falar dos artigos da Nitrogênio, há o conceito que recentemente exploramos e que chamamos de Construção Cósmica. Se tu não estiveres a par, Construção Cósmica se refere às palavras que possuem uma alternância entre vogais e consoantes, como acontece em Garupa. Esse tipo de construção resulta em uma pronúncia facilitada para falantes de quase qualquer língua, atravessando o cosmo e as fronteiras culturais.

Nos falta julgar a sonoridade do nome. Quero, agora, que tu pronuncies essa palavra de maneira bem devagar. Sinta como “Ga” é uma sílaba com força média/forte. Depois, o som sobe para “ru”, com uma vogal que fica mais acima no aparelho fonético/no céu da boca, mas com uma consoante mais fraca. Por fim, a sílaba “pa” é forte, com uma vogal novamente mais abaixo.

Essa sequência de sons é amigável por si e por evocar outra mensagem relacionada a transporte. Perceba como pronunciar Garupa traz uma sonoridade que se parece com um cavalo trotando. É como se, ao falar o nome do aplicativo, tu já te colocasses na garupa de um cavalo para andar pela cidade.

Cinco dos Seis Elementos Básicos de um nome foram contemplados nessa marca. É difícil de se negar que é um nome distinto e que evoca posicionamento e personalidade. O único conselho que eu deixo é referente aos textos de “missão” e “valores”.

Para ler outras matérias da Nitrogênio escritas pelo Autor Atômico, confira meus conteúdos nas redes sociais e na minha coluna no blog Agência de Bolso. Dúvidas sobre naming ou precisando nomear o teu projeto, converse conosco. Estamos sempre abertos a conversar. Também oferecemos conteúdo para blogs e redes sociais, além de tradução do inglês.

Instagram | Facebook | Agência de Bolso

E-mail: ligandoonitro@gmail.com

Obrigado e até a próxima!

Talvez você também goste:

Leia mais