Notícia

YouTube é multado em US$170 milhões por violar a privacidade de crianças

A Federal Trade Commission (uma agência de regulamentação comercial dos Estados Unidos) multou o YouTube em 170 milhões de dólares (quase 700 milhões de reais, na cotação atual), como parte de um acordo relacionado a uma possível violação da Lei de Proteção à Privacidade das Crianças Online (COPPA).

O valor foi anunciado hoje (04 de setembro) no site oficial da FTC. O acordo prevê que o Youtube deverá destinar US$34 milhões para governo de Nova York e os outros US$ 136 milhões restantes à FTC. A quantia é o maior valor já recebido em um acordo da COPPA.

Segundo a denúncia, o YouTube teria supostamente coletado informações de navegação dos espectadores mirins, enquanto esses assistiam a conteúdos infantis sem notificar os pais ou garantir o seu consentimento – o que é proibido nos Estados Unidos. O processo foi protocolado em uma ação conjunta da FTC e da procuradora geral de Nova York, Letitia James.

Em um comunicado oficial, assinado por Susan Wojcicki (CEO do YouTube), a empresa disse o seguinte:

“A responsabilidade é a nossa prioridade número um no YouTube e nada é mais importante do que proteger as crianças e sua privacidade. Investimos significativamente em políticas, produtos e práticas para nos ajudar a fazer isso(…)As mudanças de hoje nos permitirão proteger melhor crianças e famílias no YouTube, e isso é apenas o começo. (…)”

Com a formalização do acordo, o processo será arquivado.

Fonte: Digital Trends

Talvez você também goste:

Leia mais