Uncategorized

Como tornar o seu domínio responsivo no mobile

Os dispositivos móveis já respondem pela maior parte do tráfego de internet feito no Brasil. Hoje, com a prevalência de smartphones, muitas pessoas estão abandonando os computadores – então, ter um domínio responsivo no mobile é crucial.

Isso pode incluir atividades simples, como postar fotos nas redes sociais, comprar itens novos ou pagar contas de água e telefone.

Antes disso, as empresas de e-commerce precisam estar atentas à criação de páginas de vendas que se adaptam facilmente a dispositivos com telas pequenas.

Nesse sentido, podem ser utilizados dois formatos: construir uma página mobile ou criar uma página responsiva. Se você quer saber a diferença entre os dois, continue lendo nosso artigo!

O que é um site mobile?

Um site mobile é uma página criada com um layout totalmente orientado para celular. Normalmente, é acessível por meio de uma URL própria e se conecta ao sistema da empresa por meio de APIs disponíveis.

Nesse sentido, a página móvel de um empreendimento, como uma empresa que faz piscina de alvenaria, pode ou não ter um plugin.

Em geral, as empresas geralmente projetam o layout de seu site móvel antes de criar a versão para desktop, pois isso tende a melhorar o layout final e o layout das seções, sendo um direcionado para cada canal.

O que é um site responsivo?

Já o site responsivo é um site que se ajusta automaticamente ao tamanho da tela do usuário. Isso é feito por meio de configurações específicas no CSS da página, eliminando a necessidade de usar uma URL separada para a versão mobile.

Um site responsivo pode exibir o layout tanto em dispositivos móveis quanto em computadores ou laptops, adequando-se às medidas de cada formato de tela.

Para isso, o usuário simplesmente reduz o tamanho da janela em que o conteúdo é exibido.

Além disso, esse tipo de página é conhecido pelo uso intenso de HTML5, o que maximiza a compatibilidade entre dispositivos.

A importância de um site responsivo

A obtenção de um site compatível com dispositivos móveis começa com a criação de um layout responsivo.

Um site responsivo é aquele que é plenamente navegável quando um usuário visita a página usando um dispositivo móvel.

Em outras palavras, este site deve ter uma boa aparência e funcionar bem, independentemente do tipo de dispositivo que o acessa. Aqui estão alguns dos benefícios de ter um site responsivo.

Melhora o tráfego do site

Se o site for responsivo, ele definitivamente aparecerá para uma pesquisa específica em vez de seus concorrentes que não possuem sites responsivos.

Então, no caso do segmento de veículos, uma oficina automotiva não vai perder mais clientes em potencial por ainda não criar um site responsivo.

Aumenta as chances de fazer uma venda

Quanto mais pessoas entrarem na sua loja física, mais chances você terá de fazer uma venda – é o mesmo na internet.

Quanto mais tráfego de usuários para seu site, maior a probabilidade de você fechar negócios.

Então, tenha um site responsivo para aumentar suas chances de fazer mais vendas.

Gera mais conversões no funil de vendas

À medida que a experiência de navegação melhora para os usuários, eles tendem a passar mais tempo no site, seja de brindes personalizado ou de vestuário.

Isso leva ao aumento das taxas de conversão, junto com inscrições em newsletters, preenchimento de formulários e downloads de e-books.

Gerenciamento facilitado

Se houver necessidade de atualizar ou adicionar informações, nada melhor do que ter um site responsivo.

Em uma única janela você pode ver todos os elementos de uma página. Isso permite gerir facilmente tudo o que tem no seu website e ajustá-lo conforme for necessário, modificando as informações apresentadas.

Como fazer um domínio responsivo para mobile

Se você tem um site, mas ele não é responsivo, saiba que pode alterar sua configuração para que ele se adapte automaticamente a diferentes tipos de tela sem precisar criar um novo visual ou design, garantindo novas oportunidades. Veja como fazer isso a seguir.

Foque no principal

Alguns elementos da página podem ser removidos na versão móvel se interferirem na navegação do usuário.

Portanto, você deve analisar a necessidade de inserir:

  • Imagens;
  • Vídeos;
  • Textos;
  • Botões de call to action;
  • Mapa do site.

O ideal, portanto, é apostar em uma interface mais simples, limpa e prática, que facilite a navegação do usuário e não deixe a página lenta.

Portanto, para ter um site responsivo de sucesso, livre-se de tudo que for desnecessário e destaque os benefícios do serviço prestado, como é o caso da prevenção e combate a incêndio ou qualquer outro segmento de atuação.

Invista na flexibilidade

Ao criar seu site, é importante saber que alguns dos layouts são totalmente compatíveis com dispositivos móveis, enquanto outros não.

Portanto, você deve conhecer a flexibilidade do layout para se adaptar aos dispositivos móveis. É isso que determina quais elementos estarão presentes na versão desktop e na versão mobile.

No entanto, alguns elementos podem ser necessários em ambas as versões, como as imagens do portão de alambrado.

Dessa forma, você também precisa estar atento à flexibilidade da imagem para se adaptar a diferentes tipos de telas.

Para isso, você precisa verificar se o seu site responsivo possui um mecanismo de imagem responsivo.

Na verdade, ele redimensiona automaticamente a imagem de acordo com o formato de tela de cada dispositivo, mantendo assim a imagem livre de distorções. Também é possível determinar tamanhos e espaços em cada modelo, otimizando ainda mais essa ação.

Otimize a experiência do usuário

Além de configurar seu site para se adaptar a diferentes tamanhos de tela em dispositivos móveis, você também precisa otimizar a experiência do usuário. 

Mas como promover uma grande experiência?

Para isso, pense onde seria o menu, qual seria o tamanho ideal dos botões do CTA, onde seria a área de login, e assim por diante.

Com isso você melhorará a experiência do usuário e obterá ainda mais relevância no Google para subir de posição nas buscas.

Também porque se um usuário visitar seu site de junta de vedação, por exemplo, em um smartphone e não conseguir navegar no site, você provavelmente perderá esse lead.

Isso ocorre porque os usuários vão abandonar seu conteúdo e clicar em outro link no Google. 

Com o tempo isso também prejudica o ranqueamento, visto que o Google entende que aquela página pode não agregar valor aos usuários, passando a apresentar outras no lugar.

Analise o tráfego atual

Antes de otimizar seu site, você deve primeiro analisar o tráfego e os resultados obtidos antes de fazer as alterações.

Assim que as alterações forem aplicadas, você pode comparar as versões para avaliar como ambas funcionam e obter uma visão mais objetiva.

Conheça ferramentas para otimizar seu site

Se você ainda não criou um site responsivo, é hora de testar e pesquisar como fazer isso.

Abaixo listamos algumas ótimas ferramentas gratuitas para testar a experiência das pessoas que visitam seu site com um smartphone ou tablet. Essas ferramentas são gratuitas e fáceis de usar, se necessário.

URL Testing Tools

Uma boa novidade para desenvolvedores é a ferramenta URL Testing Tools. Como parte do Search Console, o Google oferece uma ferramenta de teste móvel com acesso à API desde 2017.

Com a nova API lançada pelo Google, os desenvolvedores podem criar suas próprias ferramentas personalizadas para inspecionar URLs para seus projetos, melhorando a navegabilidade e a responsividade.

Google Mobile Friendly Test

Para obter uma avaliação do Google e testar a versão móvel do seu site basta digitar o endereço do site na caixa e pressionar “Enter”.

Ele irá gerar um relatório informando se o seu site é compatível com dispositivos móveis ou não. O resultado é bastante intuitivo.

PageSpeed ​​Insights

Nesta solução, também da Google, o usuário obtém uma análise mais detalhada do seu website (pode escolher entre a avaliação das versões mobile e desktop).

O PageSpeed ​​Insights, além de mostrar os pontos fortes e fracos do seu site, fornece orientações com exemplos do seu próprio site para solucionar o problema.

Marketing Grader da HubSpot

A ferramenta da Hubspot tem a capacidade de determinar se seu site de vendas é amigável para visitantes de smartphones ou  não. 

E isso se dá independentemente do segmento, seja uma fornecedora de maquina de fazer velas preço para empresas ou mesmo um escritório de advocacia.

Além desse recurso, você obtém relatórios de blogs, mídias sociais, SEO e geração de leads para seu domínio.

Mobile Test Me

Ferramenta gratuita para simulação de navegação móvel. Após concluir um breve cadastro, você terá acesso à emulação de diversos dispositivos, como Kindle ou Iphone 6.

Para uso, faça login e selecione um dispositivo entre os vários modelos disponíveis. Até mesmo plataformas mais antigas estão disponíveis para o teste.

Chrome DevTools

Outra dica especial para desenvolvedores de sites é o Chrome DevTools. Nele você pode testar seus trabalhos ainda em produção usando as ferramentas do desenvolvedor.

Este é um ótimo aplicativo para testar a velocidade, usabilidade e outros recursos do seu projeto.

Ferramenta abrangente, pode ser acessada a partir do menu do navegador Chrome em Mais ferramentas > Ferramentas do desenvolvedor.

Conclusão

Nas visitas por meio de dispositivos móveis – principalmente smartphones – deve-se levar em consideração a acessibilidade e navegabilidade desses dispositivos.

Neste contexto, é imprescindível a criação e manutenção de websites com tais características, sejam blogs de viagens ou o site de uma empresa de engenharia que aborda controle tecnológico de concreto.

Cabe ressaltar, contudo, que otimizar seu site para celular pode dar trabalho, por isso profissionais podem ser contratados para a adaptação dos sites. De qualquer forma, acreditamos que todos esses esforços não serão uma perda de tempo para divulgar a empresa, muito pelo contrário.

Afinal, favorece a navegação dos usuários, retém a atenção e permite um melhor posicionamento nas ferramentas de busca, agregando diversas oportunidades de negócio.

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Business Connection, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Talvez você também goste:

Leia mais